ATENDIMENTOS

clouds, sky, fluffy clouds

“A vida só pode ser compreendida, olhando-se para trás,
mas só pode ser vivida, olhando-se para frente.”

Soren Kierkegaard

ADOLESCENTES

Na adolescência acontecem diversas transformações biológicas, psicológicas e sociais que indicam a passagem da infância para a vida adulta. É um momento de alterações físicas e hormonais que modificam o corpo e o comportamento. Tantas mudanças trazem novos desafios tanto para o adolescente, como para aqueles que estão à sua volta. É um momento de maior vulnerabilidade para comportamentos de risco e abuso de álcool e drogas.

A intervenção psicoterapêutica nessa fase da vida poderá ser feita através da criação de um espaço para lidar com os medos, anseios, desejos e todas as transformações que são características desse período, mas que são vividas de forma particular em cada indivíduo. Como é um período de formação de identidade, um suporte emocional nesse momento pode ser fundamental para contribuir com a estruturação da personalidade adulta que está em formação.

ADULTOS

Na vida adulta nos deparamos com inúmeras situações que podem trazer sofrimento e levar ao questionamento sobre o sentido da vida. Em meio a um cotidiano repleto de atividades, muitas vezes não encontramos tempo nem espaço para refletir sobre nossas escolhas e perspectivas.

A psicoterapia se propõe a ser um lugar de acolhimento que leva à compreensão de si mesmo e das relações que são estabelecidas com o mundo e com outras pessoas.

O cuidado com a saúde mental pode levar a uma melhora na qualidade de vida e bem-estar, prevenir e tratar o aparecimento de sintomas tais como: ansiedade, depressão, dependência química, dificuldade de relacionamento, transtornos alimentares, transtornos sexuais, estresse, fobias, entre outros.

IDOSOS

A população idosa vem aumentando consideravelmente nos últimos anos, bem como as possibilidades de vivenciar essa fase com maior qualidade de vida. A terceira idade, assim como outras etapas do desenvolvimento humano, é um momento de exposição a acontecimentos e confronto com transformações físicas e sociais.

 Pesquisas atuais demonstram que o atendimento psicológico para essa população pode auxiliar na resolução de conflitos como: transformações da estrutura familiar, ansiedade frente ao envelhecimento, luto, medo da dependência e restabelecimento de novos projetos de vida. Desse modo, o trabalho do psicólogo contribui para que essa etapa seja vivida da melhor forma possível, auxiliando no bem-estar do idoso e de suas relações familiares.

Acompanhamento gestacional e pós natal

A gravidez e o puerpério compreendem um período de muitas e intensas mudanças na vida do casal. Nesse contexto, o apoio psicoterapêutico pode constituir um lugar de reflexão e organização dessa experiência, ajudando a lidar com as inseguranças, expectativas e transformações dessa fase.

Suporte a perdas gestacionais e neonatais

Situações que envolvem a perda de um bebê, ainda que em um contexto de aborto espontâneo, envolvem um sofrimento que muitas vezes não encontra um lugar de expressão e elaboração em nossa sociedade. É comum que as pessoas sugiram uma nova gravidez ou não validem o luto vivido, o que torna ainda mais difícil de enfrentar essa situação. Para isso, o suporte emocional se mostra como um apoio importante para o enfrentamento da perda.

APOIO PSICOLÓGICO NA PANDEMIA COVID-19

A pandemia que teve início em 2020 trouxe novos contextos de sofrimento e a psicologia passou a ser considerada como importante estratégia de enfrentamento para lidar com todas as limitações vividas nesse momento. Estudos sugerem que mesmo aqueles que conseguiam desenvolver boas respostas às angústias cotidianas passaram a sentir maior necessidade de amparo e de novos recursos internos para lidar com esse novo cenário.